voltar
Pesquise sobre nossas escolas, notícias, portais e páginas.
(apague o campo para eliminar a pesquisa.)

Paratletas da rede pública estadual conquistam medalhas no Circuito Loterias Caixa em São Paulo

Por Givaldo Batista
- 11/06/2019 07:44:00
377 acessos imprimir

 

Já se encontra em Aracaju a delegação sergipana formada por alunos da rede pública estadual, que participou da 1ª. Fase do Circuito Nacional Loteria Caixa Brasil de Atletismo. A competição foi disputada no Centro Paralímpico em São Paulo, entre os dias 7 e 9 de junho. Esses alunos foram credenciados para a competição em São Paulo, com base nos índices obtidos no Regional Norte-Nordeste, realizado em João Pessoa.

 

E para alegria do professor Antônio Ferreira Júnior, o Ferreirinha, a delegação sergipana com quatro paratletas, conquistou três medalhas, sendo uma de ouro, uma de prata e uma de bronze. Sergipe obteve ainda um segundo e um terceiro lugar, mas de acordo com o regulamento, essas posições não lograram a conquista de medalhas. “Contam pontos com as marcas obtidas. Teoricamente, seria mais uma prata e um bronze. É um regulamento específico, uma vez que existem muitas provas/classes e o Comitê Paralímpico Internacional (CPI), resolveu estabelecer esses critérios”, explicou Ferreirinha.

 

O professor aproveitou para agradecer ao Governo do Estado, através da Secretaria de Educação, do Esporte e da Cultura (SEDUC), que liberou as passagens para os paratletas.

 

“A participação do Governo do Estado foi fundamental. Sem esse apoio, a gente nem chegaria lá.  Conseguimos chegar em São Paulo e ter uma participação impressionante, que superou as expectativas. Nosso objetivo inicial era melhorar as marcas de nossos atletas, verdadeiras promessas. O resultado foi surpreendente”, destacou Antônio Ferreira.

 

O principal destaque da delegação sergipana foi Luciele Carolaine Brito Santos, deficiente intelectual, aluna do Centro de Excelência Vitória de Santa Maria. Ela conquistou medalha de ouro no arremesso de peso. Além disso, bateu o recorde brasileiro com 10,7m. Carolaine tem grande possibilidade de ser convocada para representar o Brasil no Mundial de Jovens, que será disputado na Suíça no mês de agosto. “A convocação deve sair entre os dias 18 e 19 deste mês, e para isso, já estamos cuidando da emissão do passaporte da aluna, prevendo uma provável convocação”.

 

O paratleta Jadson Santos Souza, deficiente intelectual, aluno do EE Senador Leite Neto, conquistou medalha de prata nos 800 m. Foi o segundo na prova, além de ser o primeiro no ranking nos 1.500 m.

 

A terceira medalha sergipana foi de bronze, conquistada por Victor dos Santos Barreto, nos 100m Petra RR1. Ele é aluno do EE Senador Leite Neto. Finalmente, Kelianny dos Santos, deficiente visual total, também aluna da EE Senador Leite Neto foi a segunda colocada nos 1.500 m e terceira colocada nos 800 m, mas de acordo com o regulamento não conquistou a medalha, porém pontuou para o ranqueamento geral.