Notícia do Portal

29/01/2018 18:06 (1943 acessos)

Alunos da rede estadual festejam aprovações no Enem

 

Resultado parcial do Sisu já revela aprovações em ótimas colocações.

 

Por Ítalo Marcos

 

O Governo de Sergipe já tem dados parciais das aprovações dos alunos da rede estadual de ensino no Exame Nacional do Ensino Médio. Nesta segunda-feira, 29, com a divulgação do resultado do Sistema Unificado de Seleção (Sisu), os primeiros aprovados no ensino superior são conhecidos das escolas estaduais e, com os primeiros resultados, os estudantes estão em festa comemorando as aprovações em diferentes cursos, com boas colocações.

 

Nos corredores das escolas a animação tomou conta dos estudantes, que comemoraram com o tradicional hábito de raspar os cabelos dos meninos e a sobrancelha das meninas. Foi assim no Centro de Excelência Atheneu Sergipense, escola que teve 265 inscritos no Enem, e até a última contagem já tinha 72 alunos aprovados para a Universidade Federal de Sergipe (UFS). No ano passado, o Atheneu aprovou 100% dos alunos do ensino médio que fizeram o Enem.

 

 

O secretário Jorge Carvalho destaca que os bons resultados são frutos de um conjunto entre investimentos públicos em infraestrutura, ampliação do ensino médio em tempo integral e dedicação da equipe de profissionais, principalmente dos professores, que sabem captar o que os alunos da rede estadual têm de melhor e incentivá-los e desafiá-los a ser bem melhores. "Nos últimos anos a rede estadual de ensino tem se configurado como o caminho para o ensino superior, e prova disso é o acesso dos nossos alunos nas melhores universidades pelo país", afirmou.

 

O diretor Daniel Lemos destacou que esse é um dia de colheita, depois de tanto esforço envolvendo alunos e professores. "Os pais estão vendo o trabalho que foi feito nos últimos três anos no ensino médio de tempo integral. Tudo o que fizemos foi oferecer um ensino público de qualidade. Hoje os sergipanos estão felizes pelo que os nossos filhos conseguiram alcançar", disse. Ainda segundo Daniel Lemos, antes mesmo do resultado do Sisu, o Atheneu já contava com 273 alunos aprovados em universidades particulares.

 

Comemorando aprovações

 

O Atheneu foi uma das unidades de ensino que alcançaram importantes aprovações no Enem, como Medicina, Direito, Odontologia, entre outros cursos.  A jovem Iara Victória dos Santos Mourão passou em 3º lugar em Medicina. Com tinta no rosto simbolizando a sua aprovação, ela não conteve a sua alegria durante a comemoração. "Estou me sentindo muito realizada em passar no curso que eu sempre quis. É uma emoção muito grande poder também dar orgulho aos nossos professores", disse ela, que cursará Medicina no campus de Lagarto.

 

Hellen Neo da Rocha foi aprovada em 1º lugar em Odontologia. Ela disse que ainda estava sem acreditar na aprovação. "Eu não sabia que tinha saído o resultado, então quando cheguei na escola vi meus amigos correndo com o rosto pintado e comemorando. Queria cursar algo na área de saúde, e quando vi que tinha a oportunidade de entrar em odontologia, não pensei duas vezes", afirmou. Ela ainda explicou que o ensino em tempo integral foi importante para a sua aprovação. "Como é mais dinâmico e a gente fica o dia todo estudando, focado no vestibular, nossa preparação foi muito mais intensa", declarou.

 

Primeira colocada

 

A estudante Beatriz Lima Barreto também foi um orgulho para o Atheneu, tendo sido a primeira colocada no curso de Direito da UFS. "É muito gratificante, pois é o resultado do meu esforço. Estudei muito no ano passado. O ensino integral faz com que a gente foque de verdade nos estudos. Sou muito grata aos professores, que são muito bons", disse ela, que apesar de ter passado em Direito, sonha em fazer Medicina e vai tentar novamente este ano.

 

A professora de matemática Ana Carla Dantas Ferreira ressaltou a preparação que o ensino integral deu para que os estudantes chegassem a esse resultado. "Essas aprovações são fruto do nosso trabalho e do esforço dos alunos. O ensino integral ajudou em tudo, porque além das aulas das disciplinas básicas, eles tiveram aulas das disciplinas eletivas, aulas de laboratório, e tudo isso influi em um melhor resultado e na escolha das profissões que eles querem seguir", afirmou.

 

Esforço dos alunos

 

Chegar à aprovação no Enem exigiu dos alunos muita disciplina e dedicação durante todo o ano. No Colégio Estadual Tobias Barreto, os estudantes tiveram a iniciativa de fazer revisões durante as férias. Foi o que explicou Carlos Eduardo Alves de Souza, 3º lugar no curso de Direito. "Estou me sentindo muito feliz com a aprovação. Eu estava confiante porque o ano todo foi de muito estudo, um período cansativo, quase sempre dormindo tarde, mas que felizmente resultou em minha aprovação. Quando nós ficamos de férias, pensamos em fazer uma revisão com os professores para não perder o ritmo e melhorar os nossos conhecimentos. A escola nos ofereceu a estrutura, os professores aceitaram e nós fizemos uma revisão com todas as disciplinas", disse.

 

Anne Caroline Conceição do Nascimento foi a 9ª colocada no curso de Enfermagem. Durante a comemoração, ela não escondeu a alegria. "Estava com medo de olhar o resultado, mas depois que soube da minha aprovação, fiquei muito feliz. É a realização de um sonho e futuramente estarei fazendo o curso do meu sonho. Estudo aqui no Tobias Barreto desde o 6º ano e a maior parte do meu aprendizado foi adquirida aqui. Tem professores muito capacitados e que me ajudaram bastante", declarou.

 

Emilly Moura Rodrigues Santos foi a 4ª colocada em Ecologia. "É um grande passo que estou dando em minha vida e vejo que valeu a pena passar todos os anos estudando para chegar até aqui. Estou muito feliz e agradecida. O Tobias é um colégio que abraça e apoia muito o aluno", afirmou.

 

A diretora Carla Melo disse que esperava um bom resultado dos seus alunos. "É fruto de um trabalho realizado pelos professores e das revisões que nós fizemos. Eu sabia que nós iríamos ter um resultado bastante significativo porque os estudantes estavam bem empenhados. Tanto é que no período de recesso escolar eles mesmos fizeram um cronograma de estudos", explicou.

 

No Colégio Estadual Professor João Costa, a comemoração também foi grande. Principalmente para Pedro Henrique Guimarães, que recebeu a notícia no dia do seu aniversário. "Estou muito feliz. Foi o ano inteiro estudando com muita dedicação para alcançar o que sempre quis. É recompensador conquistar minhas metas", disse ele, que ficou em 2º lugar em Engenharia Civil.

 

A sua colega Bruna Andrade já faz planos e pretende futuramente ser enfermeira. "Recebi a notícia por mensagem e na mesma hora fiquei sem acreditar. Estou muito feliz e vou cursar e ir em busca do meu sonho. É incrível a sensação de passar no vestibular, porque esperei o ano todo por esse momento", declarou. Ela também fez o curso Pré-Universitário da Secretaria de Estado da Educação. "Fiz o Preuni no polo Paulo Freire e tive uma preparação bem intensa, participando dos aulões e revisões", declarou.

 

Já Monalisa Menezes passou em 2º lugar em Serviço Social. "Já esperava a aprovação, devido a minha preparação no Pré-Seed, que eu estudei aqui no polo, e também o ensino que a escola me deu, com várias dicas e exercícios", afirmou.

Voltar à página anterior