Notícia do Portal

15/05/2017 18:19 (1130 acessos)

Educação faz acolhimento para os alunos do Ensino Médio Integral

 

Nesta segunda-feira, 1.550 alunos da Rede Estadual iniciaram as aulas do ano letivo de 2017, no modelo integral do Programa Escola Educa Mais

 

Por Avelar Mattos

 

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seed), promoveu nesta segunda-feira, 15, o acolhimento dos 1.550 novos alunos matriculados em seis unidades de ensino da rede estadual que gradativamente, implementaram o Programa Escola Educa Mais - Ensino Médio Integral. Até o final deste ano, serão aproximadamente 5.000 alunos estudando em tempo integral na rede estadual de ensino.

 

Acompanhado de consultores dos Institutos Sonho Grande e Corresponsabilidade pela Educação (ICE), o Secretário de Estado da Educação, Jorge Carvalho, participou do início das aulas do ano letivo de 2017 do Colégio Vitória de Santa Maria no modelo - Programa Escola Educa Mais.

 

Os jovens estão distribuídos em seis escolas da Rede Estadual, da capital e do interior, as quais disponibilizam as três séries do ensino médio. Nesta primeira semana de aulas, os estudantes participam de um acolhimento promovido por equipes do Núcleo Gestor de Escolas em Tempo Integral, do Departamento de Educação, e por consultores e Jovens Protagonistas do Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), organização parceira da Secretaria de Estado da Educação na implementação do modelo de Ensino Médio em Tempo Integral.

 

Dinâmica


De acordo com a diretora do Núcleo Gestor de Escolas em Tempo Integral (NGETI/Seed), Franci Alves, é muito importante esse acolhimento ofertado pelo Governo do Estado aos novos alunos. "Nesse primeiro contato, oferecemos uma recepção especial para os nossos alunos ao realizar um corredor humano com todos os professores e servidores das unidades de ensino. Depois, alunos egressos de Pernambuco, que tiveram experiências exitosas em colégio de Ensino Médio Integral, promoveram uma dinâmica de grupo entre eles", disse.

 

A partir desta segunda-feira, 15, de acordo com o Núcleo Gestor de Escolas em Tempo Integral, outros seis colégios passaram a ofertar a modalidade de ensino. No segundo semestre, mais nove unidades de ensino aderem ao sistema, totalizando 28 escolas da rede em tempo integral, considerando as quatro unidades que oferecem ensino integral desde 2009.

 

Sergipe salta de quatro unidades de Ensino Integral para 28 até o fim deste ano. A expectativa é que a matrícula no Ensino Integral salte de 3% (1.825) para 42% (25.969) até o ano de 2021.

 

"É significativo o esforço empreendido pelo governo para ampliar a oferta de vagas no ensino integral. Saltamos de uma matrícula de pouco mais de 1.800, em 2016, para aproximadamente 5 mil estudantes até o final deste ano, pois esses colégios continuam com as matrículas abertas no Portal da Matrícula", disse a diretora do NGETI.

 

Acolhimento


Para tornar possível a implantação do Programa, a Seed somou esforços e conta com a parceria dos institutos de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), Natura e Sonho Grande.

 

Na tarde desta segunda-feira, 15, no Colégio Atheneu Sergipense, ao invés de professores na sala de aula, os alunos desenvolveram atividades sob a coordenação de Jovens Protagonistas do ICE - estudantes que cursaram o Ensino Médio em Escola de Tempo Integral na Rede Pública de Ensino de Pernambuco e que atuam como multiplicadores da experiência de ter cursado esse modelo de ensino.

 

"Apresentamos uma experiência inovadora, que tem como base o sonho dos próprios alunos. Procuramos interagir com eles, trocando experiências e incentivando-os a realizar seus sonhos e projetos de vida", afirma o líder dos Jovens Protagonistas do ICE, Hamilton Jonas de Morais.

 

Segundo ele, estudar em tempo integral mudou o modo de pensar sobre a vida. "Eu não sabia como resolver meus conflitos, conquistar meus objetivos ou realizar meus sonhos. A Escola em Tempo Integral me orientou e trouxe novas perspectivas para um jovem do município de Bezerros, em Pernambuco", disse.

 

Segundo Sarah Karenine, coordenadora pedagógica do NGETI/Seed, o acolhimento feito pela Secretaria e a dinâmica oferecida pelos jovens protagonistas do ICE são de fundamentais importância para os alunos sergipanos. "Essa interação e troca de experiência dos jovens de Pernambuco darão mais ânimo aos nossos alunos na busca de seus sonhos e objetivos", disse.

 

Linguagem


O professor Daniel Lemos, diretor do Atheneu Sergipense, disse que é muito importante esse acolhimento no primeiro dia de aula. "O aluno é peça fundamental no nosso trabalho. Esse encontro de hoje com os alunos de Pernambuco é uma vivência importante para cada um deles, pois irão compartilhar experiências numa linguagem de jovem para jovem", disse Lemos.

 

"Eles são fantásticos. Adorei essa troca de experiências com o pessoal de Pernambuco. Eles nos orientaram e passaram muitas informações que servirão para as nossas vidas", disse a aluna do Atheneu, Tamara Santos de Oliveira.

 

Ensino Médio Integral


Mais de 500 instituições em todo o país foram selecionadas para integrar o Programa de Fomento à Implementação do Ensino Médio em Tempo Integral do Governo Federal. Em Sergipe, 39 colégios estaduais serão contemplados até o final de 2018.

 

Os profissionais que atuarão nos colégios estaduais de Ensino em Tempo Integral são professores efetivos do Magistério da Rede Pública Estadual de Ensino e foram selecionados por meio de editais para as funções de professor, gestor escolar, secretário escolar, coordenador pedagógico e coordenador financeiro.

 

Agenda


O secretário Jorge Carvalho cumpre essa semana um calendário de visita a alguns colégios de Aracaju e do interior para acompanhar o início das aulas. Na terça-feira, dia 16, às 9h, ele estará no Colégio Manoel Messias Feitosa, em Nossa Senhora da Glória. No mesmo dia, às 14h, Jorge Carvalho irá ao Colégio Ministro Marco Maciel, em Aracaju.

 

Na quarta-feira, 17, o secretário, às 7h30, visitará o Colégio Professor Nilson Socorro, em Nossa Senhora do Socorro; às 9h estará no Colégio Hamilton Alves Rocha, no Rosa Elze em São Cristóvão; às 10h30 estará no Atheneu Sergipense; às 13h no Colégio Governador João Alves e às 14h30, Jorge Carvalho se deslocará para o Colégio Dom Luciano Cabral Duarte, estes, em Aracaju.

 

Os colégios estaduais que já iniciaram a oferta de Ensino Médio em Tempo Integral na Rede Pública Estadual de Ensino são:

 

C. E. Governador João Alves Filho (Diretoria de Educação de Aracaju - DEA)

C. E. Vitória de Santa Maria (Diretoria de Educação de Aracaju - DEA)

C. E. Ministro Marco Maciel (Diretoria de Educação de Aracaju - DEA)

C. E. Hamilton Alves Rocha (São Cristóvão - Diretoria Regional de Educação 8)

C. E. Nilson Socorro (Nossa Senhora do Socorro - Diretoria Regional de Educação 8)

C. E. João de Melo Prado (Divina Pastora - Diretoria Regional de Educação 5)

C. E. Professor Raimundo Mendonça de Araújo (Indiaroba - Diretoria Regional de Educação 1)

C. E. Manoel Messias Feitosa (Nossa Senhora da Glória - Diretoria Regional de Educação 9)

C. E. 28 de Janeiro (Monte Alegre de Sergipe - Diretoria Regional de Educação 9)

C. E. Marechal Pereira Lobo (Neópolis - Diretoria Regional de Educação 6)

C. E. Professora Maria das Graças Menezes Moura (Itabi - Diretoria Regional de Educação 7)

C.E Atheneu Sergipense (DEA)

C.E Dom Luciano Cabral Duarte (DEA)

C.E José Rollemberg leite (DEA)

C.E Senador José Alves do Nascimento (DEA)

C.E Santos Dumont (DEA)

C.E Joana de Freitas Barbosa (Propriá)

 

 

Voltar à página anterior